Google mata fora instantânea de resultados de pesquisa enquanto você digita

26 de julho de 2017

em 2010, o Google lançou o que na época parecia uma incrível inovação no campo de pesquisa: resultados imediatos. O Google Instant, nos últimos sete anos ou mais, mostrou a primeira página de resultados enquanto você digitava sua consulta. Em computadores, isso ajudou você a economizar muito tempo, juntamente com as sugestões instantâneas do gigante das buscas. Mas no celular o Google Instant não faz sentido, já que seu teclado está ocupando metade da tela enquanto você digita, e a maior parte do resto é obscurecida pelos dedos de qualquer maneira. E mais de 50% de todas as pesquisas do Google são feitas em dispositivos móveis hoje em dia.Portanto, para que a pesquisa do Google se comporte de maneira consistente em todas as plataformas, o Instant tem que morrer. O recurso foi efetivamente eliminado hoje. A empresa emitiu a seguinte declaração sobre o assunto:

lançamos o Google Instant em 2010 com o objetivo de fornecer aos usuários as informações de que precisam o mais rápido possível, mesmo quando digitavam suas pesquisas em dispositivos de desktop. Desde então, muitas outras de nossas pesquisas acontecem no celular, com restrições de entrada e interação e tela muito diferentes. Com isso em mente, decidimos remover o Google Instant, para que possamos nos concentrar em maneiras de tornar a pesquisa ainda mais rápida e fluida em todos os dispositivos.

a partir de agora, quando você digitar sua consulta na caixa de pesquisa do Google em um computador, verá apenas as sugestões familiares aparecendo – a página de resultados da pesquisa não será mais carregada sob elas. Você precisará clicar em uma sugestão ou clicar em Enter para que uma página de resultados seja realmente exibida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.